O trabalho do profissional de marketing é sempre estar por dentro de todas as redes sociais. Não somente as maiores, como Facebook, Twitter e Instagram, mas também as redes mais “nichadas”. Este é um exemplo do TikTok, que, em pouquíssimo tempo, alcançou 500 milhões de usuários no mundo. Confira este artigo para entender um pouco melhor este fenômeno, o que ele é, e o motivo de tanto sucesso. 

O que é o TikTok?

O TikTok é o terceiro aplicativo mais baixado do mundo. Seu propósito é o compartilhamento de vídeos curtos, entre 15 e 60 segundos, com um foco bem grande na dublagem e no conteúdo humorístico. A rede social incentiva este aspecto, em que os usuários podem seguir e compartilhar os conteúdos de outras pessoas. Portanto, o TikTok acaba se tornando muito parecido com o Snapchat.

O aplicativo já existe há algum tempo e foi desenvolvido pela empresa chinesa Bytedance. Porém, sua popularidade explodiu ao fazer a fusão com outro aplicativo, o Musical.ly. A operação custou mais de U$ 1 bilhão de dólares e o objetivo de se tornar o primeiro app do mundo para vídeos curtos está muito bem encaminhado.

Os criadores do app defendem que ele existe para trazer uma resposta a uma demanda do usuário por uma forma de compartilhar conteúdo criativo, de uma maneira que seja simples, rápida e divertida.

Isso fica bem claro nos números. Nos primeiros meses após a fusão, os downloads do aplicativo subiram 20%, alavancando os 130 milhões de usuários, no final do ano passado. De lá para cá, o número de usuários chega aos 500 milhões e o aplicativo já é mais baixado que o próprio Instagram e o Facebook.

Qual é o público principal do TikTok?

Por seguir um modelo parecido com o Snapchat, o TikTok também tem um público semelhante. O seu maior foco são os jovens, usuários entre 18 e 34 anos. Já na China, país onde o app também é bem forte, o público é um pouco mais diversificado, atraindo também idosos.

O investimento feito no app é o maior explicador para o seu crescimento. A ByteDance, avaliada em mais de U$ 75 bilhões, aumentou muito os gastos de divulgação do aplicativo, buscando se tornar o app mais usado para os vídeos curtos. Isso já traz algumas consequências interessantes.

Primeiro, o Facebook já começou a se incomodar. O TikTok apresenta uma enorme ameaça, especialmente em um concorrente direto que lida com um grupo que o Facebook tem uma grande dificuldade em alcançar.

Os jovens e adolescentes não querem muito participar de uma rede social em que os pais estão, como é o caso do próprio Facebook. Podem até manter a sua página e usá-la, mas não é o seu foco. Por isso, o sucesso o Instagram foi tão grande, fazendo com que o Facebook o compre. 

Agora, como o TikTok é muito caro, esta não é uma opção. Por isso, o “Lasso”, é um novo aplicativo que o Facebook já lançou com os mesmos recursos de gravação de vídeos curtos e com recursos de dublagem. Ele ainda não “vingou”, mas pode ser que o Facebook tente novamente ou invista mais, após ver o sucesso do novo concorrente.

Porque o TikTok é tão importante?

Além desta briga com o Facebook, que deve ser bem interessante, o TikTok é um aplicativo muito importante, primeiro, do ponto de vista do usuário.

Este aplicativo é uma ótima forma de “treinar” novos produtores de conteúdo. Por ser uma plataforma voltada para o público mais jovem e por promover um ambiente mais simples para a criação do conteúdo, estes produtores podem começar a gravar os seus vídeos desde muito cedo.

Portanto, ignorar o app é um erro por diversos motivos.

Aqui nos posts da M2BR discutimos muito o comportamento do consumidor e como ele é a principal força por trás de qualquer ação de marketing. O grupo mais jovem, tem uma tendência a “pular” de aplicativo mais facilmente, mas existem aqueles que vem para ficar. O TikTok, pode ser um deles.

Então, o app apresenta uma plataforma para se comunicar com este público que é tão evasivo. Como dito acima, os jovens não querem participar da mesma rede social que os pais, o que significa que o TikTok é o ambiente mais fácil de encontrá-los atualmente. Se você busca se comunicar com este grupo, vale a pena considerar esta nova opção. 

Além disso, é mais um exemplo do ciclo de uma nova rede social. Quando o próprio Facebook começou, era apenas para estudantes universitários, a partir daí se expandindo para um grupo demográfico mais velho. O Instagram, também começou assim, atraindo um público mais novo e que tem mais facilidade em novas experiências. Porém, em algum momento ele pode alcançar o seu ciclo de maturidade e ampliar o público.

Outra rede que pode se beneficiar é o Snapchat, que apresentou números favoráveis nos últimos meses, depois de uma certa estagnação. É mais um sinal de que a briga pode ser interessante.

O TikTok e o marketing?

Todo profissional de marketing, ao ouvir falar de uma plataforma, já pensa em como usá-la. Se o seu público se alinha com o usuário do app, existe uma oportunidade. Apesar disso, é um território pouco explorado. O aplicativo, por exemplo, não tem uma plataforma própria de anúncios.

Isso é bom e ruim ao mesmo tempo. Dificulta um pouco trabalho, mas incentiva o crescimento orgânico. Por enquanto, existem duas grandes formas de fazer anúncios no TikTok: parcerias com influenciadores e conteúdo original. Whindersson Nunes e Tirulipa, por exemplo, já fazem a sua marca na plataforma.

Mas, como parte do ciclo de crescimento, é natural que em algum momento seja introduzida uma forma de monetização, através dos anúncios. Com tantos usuários com uma demografia bem específica, ela apresenta um enorme potencial.

Conclusão

O TikTok é um fenômeno de crescimento. Seu conteúdo é uma fábrica de memes, além de ser extremamente fácil de compartilhar e também de produzir. Por isso, é fascinante observar o ciclo de uma rede social com enorme potencial. Por outro lado, sempre existe o risco de ser apenas uma “bolha” que em breve vai passar, apesar deste provavelmente não ser o caso. 

Se os números de crescimento indicam algo é que esta rede já é uma das mais populares do mundo, com potencial para crescer ainda mais. Portanto, sair na frente com ela, pode ser um excelente caminho para qualquer profissional do marketing.
E aqui no blog da M2BR Academy, você sabe tudo sobre as novidades do mercado. Continue acompanhando nossos posts para ficar sempre por dentro!

A M2BR Academy acredita na evolução do ensino pela realização prática do conhecimento teórico, por isso temos uma metodologia própria desenvolvida sobre PBL (Problem Based Learning), adotado pelas melhores escolas e cursos. Somos entusiastas e realizadores, assim como nossos parceiros e compartilhamos o saber para a formação de um mercado profissional, dinâmico, criativo e inovador dentro do segmento de marketing e mídia digital.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *