Entenda o cenário do Marketing Digital pós-COVID-19 para a sua carreira

Categorias Conteúdo, Empreendedorismo, Marketing Digital, Mídias Sociais

Há um tempo algumas empresas já vinham entendendo a importância de entrarem no mundo digital e as tendências que apontam para isso. Os consumidores passam cada vez mais tempo conectados à internet buscando produtos e serviços nos sites de busca. Com a popularização dos smartphones esse tempo aumentou exponencialmente, uma vez que as pessoas não têm mais a necessidade de se desconectarem, se não quiserem. 

As pesquisas e compras de produtos e serviços já vinham ganhando terreno no mundo digital, gerando um grande banco de dados sobre o que as pessoas buscam e consomem, possibilitando que os profissionais da área consigam saber as tendências e padrões de consumo e comportamento. Percebemos então que a crise provocada pelo COVID-19 apenas apressou um fato que já vinha acontecendo e agora se consolidou como realidade.

O Co-founder e CMO da Academia do Universitário, Matheus Sobral, acredita que estamos vivendo um momento único do marketing digital e que as empresas estão cada vez mais passando por processos de transformação digital, isso em todos os seus pilares. “Não ter o seu marketing presente online é simplesmente decidir não fazer negócio”, complementa Matheus. As empresas que estão sobrevivendo ao isolamento não enxergam mais o marketing digital como um luxo. Agora, entendem que é uma necessidade para continuarem existindo e que o digital se fará, mais do que nunca, presente daqui em diante.
A pesquisa “Perspectivas para o Mercado Digital 2020” feita pelo aplicativo de gerenciamento de redes sociais mLabs, em parceria com a Social Media Week SP,  mostra as tendências e apostas dos profissionais de marketing digital para 2020, sobre quais canais, metodologias, estratégias e tecnologias eles pretendem utilizar. Os canais mais votados como tendência foram LinkedIn, Instagram e Youtube:


Fonte: mLabs

Claro que cada plataforma tem suas particularidades e público específico, o que torna cada canal melhor para determinado nicho.

O Instagram teve grande projeção em 2019 com a possibilidade de anúncios nos stories com baixo custo e alto engajamento, além das parcerias com os influenciadores digitais.

Já o LinkedIn, primeiro colocado, está se consolidando como a melhor plataforma para geração de leads e alcance orgânico, por causa do seu algoritmo. Também é uma plataforma conhecida por conectar pessoas e marcas que buscam conteúdo de alta qualidade.

O Youtube, que segue no terceiro lugar, é a plataforma preferida de quem gosta de assistir a vídeos online. O dado é que 95% da população brasileira acessa a plataforma ao menos uma vez por mês e desses, 60% disseram ter comprado produtos após assistir a vídeos sobre eles no Youtube. Prova de que essa plataforma é uma grande aliada nas vendas.


Fonte: mLabs

Já nas apostas para 2020, temos o Tik Tok em primeiro lugar, com a sua capacidade de viralizar conteúdos através dos seus desafios.  Sua popularidade chega a ser maior que a do Instagram e Facebook em alguns países.

Logo atrás vem o Spotify com os Podcasts.  As pesquisas mostram que quatro entre dez brasileiros já ouviram algum programa de podcast e mais de 56 milhões de pessoas ouvem algum podcast mensalmente. A previsão de investimento em anúncios nesses canais pode chegar a 1 bilhão de dólares até 2021, dado o crescimento da audiência.

Em terceiro lugar está o Pinterest, cuja maioria dos usuários pesquisa e publica pins com o objetivo de comprar produtos. Os dados divulgados pela própria plataforma mostram que 52% dos usuários criam listas de desejos de produtos de decoração, 49% querem descobrir espetáculos, filmes e livros para consumir e 46% procuram acomodações para as suas viagens nessa rede.

Basicamente as empresas que querem evoluir e garantir seu lugar no mercado, precisam estar presentes nas plataformas que mais se encaixam com seu perfil de produtos ou serviços.

Por onde começar?

O mundo do marketing digital é enorme, com um leque de possibilidades muito variado e áreas para estudar e se especializar. O ideal é começar com um curso introdutório de marketing digital para ir se familiarizando com o tema, conhecendo as ferramentas, estratégias e técnicas utilizadas na área.

Tendo essa visão mais ampla e aprofundada sobre o que é o marketing digital, você consegue escolher dentre as diversas áreas como marketing de busca, marketing de conteúdo, gestão de mídias sociais,  entre outras. É realmente recomendável que você se especialize em alguma área, pois como o marketing digital possui várias vertentes hoje em dia, é bem complicado que o profissional consiga dominar todos esses nichos. Dentro de cada uma dessas áreas, temos ferramentas, estratégias e técnicas específicas que você precisa saber a fundo para ser um profissional de qualidade e se sobressair.

Além de estudar, é muito importante que você busque saber o que há de novidades nesse mercado, que está em constante mudança.  Acompanhe blogs sobre o assunto, participe de lives e seminários online sobre a área. Nesses ambientes você encontra muitas informações relevantes que nem sempre estão disponíveis em cursos mais formais. Lembre que um bom profissional está sempre por dentro do que há de mais novo no marketing digital.

Matheus Sobral acredita ainda que, para as empresas, os três pilares importantes são: Liderança, Tecnologia e Talentos. A liderança precisa estar afiada com relação à importância do marketing digital, agindo ativamente no investimento da área, disponibilizando orçamento para tecnologia de ponta e talentos adequados para melhor se comportar no ambiente digital, como estagiários e Trainee.

Ainda segundo a pesquisa “Perspectivas para o Mercado Digital 2020”, trouxemos também a lista das tendências e apostas mais votadas para as Estratégias de Marketing Digital, para te ajudar na sua escolha de especialização. As estratégias são compostas por um conjunto de variáveis, que vai além do canal certo, da metodologia ideal e da escolha da tecnologia.

Confira um Ranking com Os Temas De Marketing Mais Importantes Para Se Estudar em 2020:


Fonte: mLabs

No primeiro lugar do top 3, está o SEO, que é o conjunto de estratégias de otimização de sites, blogs e páginas da web com intuito de melhorar o posicionamento nos resultados de buscas orgânicas. Mesmo já sendo uma estratégia muito falada e difundida,  ainda não era tão bem utilizada. Porém, as pessoas estão entendendo a importância de otimizar conteúdos para as pessoas que estão buscando produtos ou serviços.

Em segundo lugar, vem a estratégia de Branded Content, (criação de conteúdo relacionado ao universo da marca) diretamente ligada ao SEO e Inbound Marketing, é fundamental para quem quer produzir conteúdo e ter uma presença digital forte.  Além de entregar conteúdo, é preciso testar e acompanhar os resultados e também investir em mídia paga, a fim de impulsionar o alcance das suas campanhas.

Logo em seguida vem o Social Ads para quem entende a necessidade de investir em redes sociais, enxergando seu potencial de alcance. Mas, essa estratégia precisa ser testada em mais de uma plataforma, monitorada e analisada para que traga resultados.

Porque começar agora?

Segundo Matheus Sobral, o momento para as empresas pensarem na transformação digital é urgente: “Não temos espaço para o ontem. Estamos vivendo em uma das eras mais agitadas de todos os tempos, onde tudo é volátil, incerto, complexo e ambíguo. Perder tempo do investimento em digitalização do marketing é simplesmente perder resultados para o seu negócio.”

Para quem quer estudar e aproveitar esse cenário propício, se especializar em alguma área ou até mesmo mudar de carreira, esse momento de isolamento social favorece os estudos. Diversas instituições de renome liberaram cursos de forma online e gratuita, além de podermos aproveitar o tempo que estamos em casa para nos dedicar.  A quantidade de conteúdo de qualidade sobre diversos assuntos aumentou demais, muitos profissionais que são referência no mercado estão disponibilizando excelentes materiais de estudo, além das lives super informativas.

Juntando tudo isso ao fato de que as empresas precisarão investir em marketing digital e, com isso, a tendência é que a procura por esses profissionais aumente, o cenário parece bem favorável para quem busca se colocar nessa área.

Achei a área onde quero atuar e iniciei meus estudos. Qual o próximo passo?

“Agora é não pensar em parar. O mundo digital, por ser hiper conectado, possui atualizações cada vez mais recorrentes. É interessante investir sempre em capacitações e especializações, aprofundando assim a estratégia de marketing digital”, diz Matheus Sobral.

E coloque em prática o que você está aprendendo: procure por um estágio na área! 

Na Academia do Universitário sempre tem vaga nova em Marketing Digital. Crie seu o site ou blog com conteúdos de qualidade, aplique o que você aprendeu na sua própria “marca” e mostre suas habilidades e os resultados para os recrutadores. Ter esse material visual com uma amostra do seu trabalho é importante demais nessa área, pois comprova o que você colocou como qualificação no seu currículo. 

Lembre de fugir daquele formato padrão, esse é o momento de você explorar sua criatividade e brilhar na apresentação.

Não esqueça, peça sempre feedbacks e escute com atenção 🙂


*Artigo desenvolvido pelo nosso parceiro Academia do Universitário.

Graduada em Design de Interiores pela Universidade Veiga de Almeida, pós graduanda em Gestão Empresarial e Marketing pela ESPM e Product Manager pela Gama Academy. Atualmente, exerce a função de Product Manager na Academia do Universitário.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *