Pinterest e Pinterest Ads: O que é e como funciona?

Categorias Mídias Sociais
pinterest

O Pinterest é uma rede social que pode ser muito valiosa para o negócio certo. Por conta de suas características únicas, como o fato de ser praticamente 100% visual, é muito usada por pessoas que querem descobrir e compartilhar ideias. Mas, será que ela é apenas uma rede social bonitinha ou realmente pode ajudar a sua empresa a se conectar com o público? É sobre isso que vamos conversar neste post. 

Continue lendo até o fim e conheça bem o que é o Pinterest e o Pinterest Ads, sua plataforma de anúncios, quais mercados podem se beneficiar desta rede e algumas dicas simples para começar. 

E se gostar do post e quiser aprender mais, o nosso curso de formação em mídias sociais PLUS tem um módulo todo dedicado ao assunto. 

O que é o Pinterest?

Como mencionamos acima, o Pinterest é uma rede social visual, muito usada por quem quer compartilhar ideias ou se inspirar para fazer algo. Por exemplo, imagine que você comprou ou fez uma obra em um imóvel e quer decorá-lo. Nessa rede, você pode encontrar milhares de imagens de quartos, salas, cozinhas e tudo mais, totalmente decoradas, para se inspirar. 

Ao encontrar uma imagem que você goste, pode por um “pin” nela, salvando-a no seu perfil. É como se você colocasse uma foto em um mural na sua casa, para poder ver melhor depois. Existem diversos nichos que usam muito bem a rede como: 

  • moda e maquiagem;
  • decoração, design e arquitetura;
  • alimentos em geral, especialmente os artesanais;
  • tecnologia; 
  • DIY, do it yourself, ou faça-você-mesmo.  

Pinterest Ads

Como grande parte das redes sociais de sucesso, o Pinterest também tem o seu lado voltado para as empresas. Além de contas específicas para marcas, o Pinterest Ads é uma plataforma de anúncios, também semelhante às outras redes sociais. Na verdade, o Brasil é um dos primeiros países a receber essa funcionalidade, já que é um dos mercados mais fortes da rede fora dos EUA. Confira algumas estatísticas que vem diretamente do Pinterest: 

  • 46 milhões de usuários no Brasil;
  • 50% das mulheres brasileiras, e 60% das mães, usam;
  • 45% das pessoas da geração Z usam. 

Como usar o Pinterest na sua estratégia de marketing? 

Com as estatísticas acima e as próprias características da rede, já é possível ter uma noção do seu potencial. Primeiramente, é muito usada por mulheres e pela geração Z, além de ter um enorme apelo visual. Então, se o seu negócio se encaixa nessas características, pode valer a pena conhecer mais a fundo essa rede. 

Complementando, existem outras características do Pinterest que são muito valiosas. Por exemplo, a longevidade dos pins é muito maior do que de qualquer outra rede social. Quando o usuário salva um pin da sua empresa no seu perfil, pode visualizá-lo até mesmo meses depois. É bem diferente de uma curtida ou comentário no Facebook. 

Também é bem diferente o comportamento do usuário nessa rede, e como já discutimos aqui no blog, esse é um fator crucial. Mais uma vez usando o Facebook como exemplo, a navegação é repleta de interrupções. Normalmente, as pessoas navegam na rede para ver notícias, updates dos amigos, memes e tudo mais. Logo, os anúncios e/ou posts das empresas podem ser uma quebra nessa expectativa. 

No Pinterest é diferente. Ou a pessoa está procurando algo específico, como no exemplo que demos no início do post, ou está simplesmente explorando. Por conta desse contexto bem mais “exploratório”, os usuários estão mais abertos a ver coisas novas. 

Na prática, isso significa que o Pinterest certamente não terá o mesmo alcance do Facebook. Mas, sua conversão pode ser bem maior. Agora, vamos ver algumas dicas de como usar as redes. 

Capriche nos posts

Parece óbvio, mas a qualidade dos posts é essencial nessa rede, sempre com o objetivo do conteúdo visual em mente. Posts criativos são importantes para ajudar a se destacar, mas existem outros caminhos que podem valer a pena. Por exemplo, uma imagem que ajuda a quebrar informações complexas em algo simples também faz bastante sucesso. 

Algo indispensável é ficar sempre atento ao blog do Pinterest. Lá, você encontra várias dicas e estudos de como otimizar a rede. Por exemplo, esse post mostra que pins verticais são o melhor formato. 

Além disso, também é importante trazer contexto para os seus produtos em uso, sempre que isso for possível e fizer sentido. Como a própria equipe do Pinterest aconselha, se você está vendendo uma bota para fazer trilha, não mostre apenas o produto. Mostre para as pessoas o que eles podem fazer com ele. 

Atenção ao SEO

Uma característica importante do Pinterest é que ele também é um buscador. Portanto, é preciso trabalhar bem o SEO dentro da rede. Dicas de otimização, como busca por palavras-chave e um foco no engajamento são cruciais. Os pins são exibidos de acordo com uma combinação de relevância para o usuário e com o engajamento que o post já teve. 

Logo, as descrições dos pins são um espaço que você pode, e deve, explorar. Não é possível fazer textos muito grandes, no máximo duas ou três frases, mas é importante ter detalhes importantes e que complementam a imagem. Se existe uma ação seguinte que o usuário pode fazer, como visitar uma página de produto, vale a pena colocar um link. Também é um bom espaço para colocar mais palavras-chave. 

Cuidado com a frequência

Esse é um grande dilema em praticamente todas as redes sociais. Postar pouco significa que você é esquecido e postar muito pode gerar SPAM e incomodar os usuários. Além disso, você não aproveita o máximo de cada post, já que um come a audiência do outro. Portanto, é preciso testar uma frequência que faça sentido para o seu público. O importante é ser consistente e ter uma frequência bem planejada. 

Apesar de todo o seu potencial, o Pinterest é uma rede social que não é tão usada quanto deveria por aqui. Por conta da presença considerável do público e pelo seu apelo visual, ela pode ser uma máquina de conversões. O maior desafio, é reconhecer se ela vale a pena para o seu negócio. Se esse for o caso, sair na frente da concorrência nessa rede pode ser um grande diferencial. 

Então, o que você acha? Sua empresa pode aproveitar o Pinterest para potencializar os negócios? Então confira o curso Formação em Mídias Sociais PLUS, que marca a volta das aulas presenciais aqui na M2BR, para ter uma abordagem totalmente prática de como ter sucesso nessa rede

A M2BR Academy acredita na evolução do ensino pela realização prática do conhecimento teórico, por isso temos uma metodologia própria desenvolvida sobre PBL (Problem Based Learning), adotado pelas melhores escolas e cursos. Somos entusiastas e realizadores, assim como nossos parceiros e compartilhamos o saber para a formação de um mercado profissional, dinâmico, criativo e inovador dentro do segmento de marketing e mídia digital.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *